fbpx
Pular para o conteúdo
Opção Dinheiro

Jamaica pagará R$ 81 para cidadãos que usarem moeda digital do país Jam-Dex

O governo jamaicano planeja emitir US$ 16 (cerca de 81 reais no câmbio atual) para os primeiros 100 mil cidadãos que usarem a moeda digital do país, a Jam-Dex, que será lançada nos próximos meses.

Os testes de ativos do banco central do país, o Banco da Jamaica (BOJ), começaram em maio e terminam em dezembro de 2021.

Leia Também:

 

Os cidadãos que ativarem suas carteiras digitais após o lançamento da moeda digital receberão uma recompensa de 2.500 dólares jamaicanos, o equivalente a US$ 16, disse o primeiro-ministro Andrew Holness em um post na rede social Facebook.

Os países do Caribe emergiram como os principais países usando moedas digitais emitidas pelo banco central conhecidas como CBDCs. As moedas digitais são versões eletrônicas do dinheiro fiduciário, ou seja, não são criptomoedas como Bitcoin e Dogecoin.

O ministro das Finanças, Nigel Clark, disse em um discurso à legislatura da Jamaica que o sucesso do Jam-Dex dependerá de sua utilidade no mundo real.